É realmente extraordinário. Se a prece for correta, Deus não deixará de atendê-la.

Meishu-Sama

A oração é uma das maiores formas que o ser humano tem de se ligar a Deus; enquanto Lhe oferecermos orações sinceras, Deus estará sempre por perto, a nos proteger. Também por esse motivo, na Igreja Messiânica Mundial, além dos Cultos Matinais e Vesperais, há o Culto Mensal e os Cultos Especiais.

A oração é o tesouro do ser humano, o poder absoluto que vence o demônio que habita o nosso coração. Com oração e prática, podemos mudar livremente as nossas vidas.

Nidai-Sama

Culto Mensal de Gratidão

O Culto Mensal de Gratidão é o ponto de partida do mês, sendo o momento em que nos encontramos com Deus para agradecer, reflectir e renovar nosso sentimento para o mês que se inicia. Esse Culto é realizado tanto nos Solos Sagrados e Sedes Centrais quanto nos Johrei Centers.

Culto de Ano Novo e da Fundação da Igreja

Realizado no primeiro dia do ano, é o Culto em que reflectimos sobre o ano que passou, as graças recebidas e aprimoramentos vivenciados, e tomamos novas decisões para o ano que se inicia. É o Culto em que comunicamos a Deus nossos planos, pedimos Sua proteção e renovamos nosso compromisso com a Obra Divina. Também nesse culto, é comemorada a fundação da Igreja Messiânica Mundial, que ocorreu em 1º de Janeiro de 1935.

Culto do Paraíso Terrestre

Na madrugada do dia 15 de Junho de 1931, Meishu-Sama e um grupo de dedicantes subiram ao topo do Monte Nokiguiri, localizado na província de Chiba, Japão. Então, ao alvorecer do dia, voltados para a direção do Sol, entoaram a oração Amatsu-Norito, cujas palavras possuem espírito elevado e têm o poder de purificar o Céu e a Terra.

Nesse momento, Meishu-Sama recebeu a revelação sobre a grande mudança que se iniciava naquele momento: a Transição da Era da Noite para a Era do Dia. Assim, Meishu-Sama ensina que todos os anos, a partir dessa data, o Mundo Espiritual torna-se cada vez mais claro e a concretização do Paraíso Terrestre se aproxima.

Portanto, o Culto do Paraíso Terrestre, realizado no dia 15 de Junho, é um dos cultos mais importantes da Igreja Messiânica Mundial. Essa é a data em que os messiânicos renovam a consciência de sua missão de construir o Paraíso Terrestre e contribuir para a salvação do maior número de pessoas.

Culto às Almas dos Antepassados

Quando a família do falecido lhe presta homenagens póstumas e ofícios religiosos, ou quando seus descendentes praticam o amor ao próximo e trabalham em benefício da sociedade e da nação, somando o bem e a virtude, isso ajuda a acelerar a purificação dos espíritos dos Antepassados.

Meishu-Sama

Segundo Meishu-Sama, nós somos a soma de todos os nossos antepassados. Isso significa que eles continuam vivos no Mundo Espiritual e constantemente nos influenciam, e que sua felicidade reflete-se directamente na nossa. Assim, por meio do Culto às Almas dos Antepassados – realizado no dia 2 de Novembro em África, e no dia 1º de Julho no Japão -, nós prestamos homenagem aos ancestrais e lhes oferecemos nosso amor e gratidão.

Culto do Natalício de Meishu-Sama

Meishu-Sama nasceu em 23 de Dezembro de 1882, dia seguinte ao solstício de inverno no hemisfério norte, a partir do qual os dias começam a ficar mais longos. Segundo Nidai-Sama, isso significa que Meishu-Sama nasceu para trazer Luz ao mundo.

No Culto do Natalício de Meishu-Sama, realizado na mesma data, oramos para que a Luz que Ele transmite do Mundo Espiritual seja derramada sobre toda a humanidade. É também uma data em que refletimos sobre a postura de Meishu-Sama e sua natureza altruísta, que nos serve de exemplo para nossa o nosso próprio crescimento.

This post is also available in: Inglês, Francês